Já falamos sobre o assunto neste espaço e você já deve ter visto a campanha nacional de vacinação, mas, como geriatra, não posso me furtar a reforçar o coro em prol da imunização contra a gripe. Entre os idosos, quanto antes se tomar a dose, melhor. Isso porque demoram pelo menos quatro semanas para o imunizante fazer seu devido efeito. E é preciso estar vacinado quando a temperatura baixar e o vírus influenza circular com maior intensidade.

Ano após ano é preciso revisitar esse tema, reforçando a importância de crianças, gestantes, doentes crônicos e, claro, idosos aderirem à vacinação. Ano após ano mudam os vírus circulantes. Ano após ano resistem mitos e informações equivocadas sobre a vacina da gripe.

No caso do público mais velho, ainda há uma noção, totalmente errônea, de que a vacina pode causar um tipo de gripe. É uma baita inverdade: o imunizante é feito com vírus inativado, incapaz de desencadear doença.

Ser vacinado, pelo contrário, é a principal maneira de inibir a manifestação da gripe, bem como suas complicações e inclusive o risco de morte.

saude.abril

Evento no Brasil é geralmente sinônimo de muitas vitórias brasileiras, e é nisso que os jornalistas do Palpitão do Combate estão apostando às vésperas do UFC Rio 10, programado para este sábado no Rio de Janeiro. No card principal, a expectativa é de festa tupiniquim, com vitórias dos ídolos Anderson Silva e José Aldo e título do peso-palha para Jéssica “Bate-Estaca” Andrade.

Apenas três jornalistas palpitaram em derrotas de Andrade para a atual campeã, Rose Namajunas, e de Spider para Jared Cannonier. A confiança em José Aldo é ainda maior: somente um palpiteiro aposta em triunfo do australiano Alex Volkanovski.

Em sete lutas de brasucas contra gringos, os lutadores da casa são “zebra” em apenas duas: o confronto peso-meio-pesado entre Rogério Minotouro e o americano Ryan Spann, que leva mínima vantagem, e o duelo peso-galo entre Bethe Correia e a mexicana Irene Aldana. Neste último, a “Pitbull”, que retorna após se recuperar de uma cirurgia no olho que a manteve fora de ação por mais de um ano, recebeu apenas uma aposta.

ge

O ex-presidente Michel Temer (MDB), de 78 anos, passou a primeira noite na sede da Polícia Federal na Lapa, Zona Oeste de São Paulo. Ele se entregouna tarde desta quinta-feira (9) para cumprir prisão após revogação do habeas corpus que o mantinha livre.

Temer deixou sua casa, na Zona Oeste da capital, e seguiu escoltado até a Superintendência da PF.

O ex-presidente não está na carceragem, localizada no terceiro andar, junto com os outros presos, ele ficou em uma sala a poucos metros do gabinete do superintendente. É um espaço com cerca de 20m², usado em reuniões e videoconferências. O local também costuma ser usado para entrevistas coletivas, quando o auditório principal não pode ser usado.

A sala não tem banheiro e o mais próximo, com chuveiro quente, fica no fim do corredor, cerca de três metros de distância do espaço. Na noite desta quinta-feira, assessores do Temer providenciaram o jantar. A partir de sexta-feira (10), ele deve receber a “quentinha” da carceragem. Agentes federais farão a segurança dele 24 horas por dia.

Acusação
Temer é acusado de chefiar uma organização criminosa que teria recebido R$ 1,091 milhão em propina nas obras da usina nuclear de Angra 3, operada pela Eletronuclear. O ex-presidente foi denunciado pelo Ministério Público pelos crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

O Ministério Público Federal do Rio de Janeiro afirma que a soma dos valores de propinas recebidas, prometidas ou desviadas pelo suposto grupo chefiado pelo ex-presidente ultrapassa R$ 1,8 bilhão.

Também se entregou à PF na tarde desta quinta João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, amigo do ex-presidente e sócio da empresa Argeplan. O coronel dormiu no Presídio Romão Gomes, da Polícia Militar, no Tremembé, Zona Norte da capital.

No início da noite, Temer e Lima foram fazer exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML), na região central de São Paulo.

O desembargador Abel Fernandes Gomes, do Tribunal Regional Federal da 2ª região (TRF-2), determinou que Temer e Lima devem ficar presos em São Paulo.
Por enquanto, Temer ficará na sede da Superintendência da PF na Lapa.

A defesa do ex-presidente pediu nesta quinta-feira (9) liberdade ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). O ministro Antonio Saldanha, relator do pedido, disse que levará o caso para discussão no STJ na próxima terça-feira (14).

“Temos uma tradição na Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça de levar ao colegiado casos de grande repercussão, é uma forma de privilegiar o princípio da colegialidade”, afirmou Saldanha à TV Globo.

G1

O governador João Azevêdo(PSB) se reuniu, na tarde dessa quinta-feira (9), no Palácio do Planalto, em Brasília, com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), e ministros do Governo Federal, além de outros governadores da região Nordeste.

Na oportunidade, o gestor paraibano expôs sua preocupação em relação à gestão das águas da transposição do Rio São Francisco e à Medida Provisória 868/18, que prevê a privatização do sistema de saneamento básico.

Azevêdo recebeu a garantia do ministro da Economia, Paulo Guedes, de que os assuntos serão levados para análise da equipe responsável pela área. Na ocasião, também foi assegurado para a próxima semana o detalhamento do Plano Mansueto, que trata do restabelecimento do equilíbrio fiscal dos Estados e do Distrito Federal.

O chefe do Executivo da Paraíba e os demais governadores do Nordeste ainda debateram temas relacionados à educação e à retomada de obras importantes para o crescimento econômico e geração de empregos na Região.

A Carta dos Governadores do Nordeste, entregue na oportunidade ao presidente da República, aponta como pontos prioritários para a discussão com o Governo Federal a prorrogação e ampliação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), negociação em razão de condenações judiciais sobre diferenças do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), revisão dos cortes em desfavor de Universidades e Institutos Federais e retomada urgente de obras federais no Nordeste, principalmente nas áreas de segurança hídrica, habitacional e rodoviária.

Após a reunião, João Azevêdo apontou a necessidade de se rever a Medida Provisória 868. “Esse texto que prevê a privatização das Companhias precisa ser revisto com o diferencial e as características de cada Estado, principalmente os Estados da Paraíba, Ceará, Pernambuco e Rio Grande do Norte, que são beneficiados com a transposição do Rio São Francisco. Precisamos saber como fica essa relação, o tratamento dos recursos que serão pagos à Codevasf, quem vai arcar com isso, ou seja, há a necessidade efetiva de se ter um tratamento e uma discussão mais detalhada”, observou.

Para o governador, alternativas para os Estados que não pretendem privatizar suas Companhias precisam ser apresentadas. “A Cagepa, por exemplo, é uma Companhia superavitária porque voltou a dar lucro nos últimos anos e, a partir do momento que se impõe, gera um problema muito grande, pois as empresas privadas buscarão os sistemas mais viáveis e se deixa de ter o subsídio cruzado, ou seja, sistemas de pequenas cidades que são inviáveis economicamente não terão interesse e são os que ficarão para as Companhias, o que tornará praticamente impossível porque você terá contas de água com benefício fiscal de R$ 10,00 a R$ 15,00 que passarão a R$ 40,00 ou R$ 50,00, impondo à população mais pobre uma condição para manter o sistema e ela não vai suportar”, avaliou.

O chefe do Executivo estadual também fez ponderações sobre investimentos para a educação. “Nós pedimos que houvesse, por parte da equipe econômica, uma discussão sobre os recursos do Fundef que são processos que se arrastam e que tentam receber recursos da União, discutimos a questão do novo Fundeb e como ele será implementado a partir do próximo ano e apresentamos ao presidente e ao ministro da Economia o pedido para rever esses cortes nas Universidades porque imaginar um corte de 30% dos recursos destinados à educação num país como o Brasil é preocupante”, argumentou.

Em relação ao Plano Mansueto, o governador disse que a matéria precisa ser conhecida detalhadamente, pois os Estados têm ratings diferentes . “A Paraíba, por exemplo, tem rating B, que permite a contratação de empréstimos com o aval da União e que deve ter um tipo de tratamento; para os Estados que não têm essa condição é preciso ter outro tipo de tratamento e de exigência”, explicou.

Também estiveram presentes no encontro, o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni; o ministro substituto da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Marcos Montes; o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque; o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Santos Cruz; e o advogado-geral da União, André Luiz de Almeida.

portalcorreio

A Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa (OSMJP) se apresenta neste sábado (11), às 18h, no Auditório Celso Furtado do Centro Cultural Ariano Suassuna, no III Concerto Oficial da Temporada. A apresentação é fruto de uma parceria entre a Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) e o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), através do Centro Cultural Ariano Suassuna. A entrada é gratuita.

Regida pelo maestro Laércio Diniz, seu regente titular, a Orquestra Sinfônica Municipal vai executar obras de vários compositores, como Alexandre Guerra (1971), compositor residente convidado para esta temporada, Ennio Morricone (1928),Thomas Bergersen (1980) e L. V. Beethoven (1770-1827). O violoncelista Jorge Rossi, integrante da OSMJP, será o solista da noite.

O programa da noite será aberto com “Estações Brasileiras”, de Alexandre Guerra, obra que, com uma atmosfera nostálgica e introspectiva transita com liberdade e sensibilidade entre os universos erudito e popular, proporciona uma viagem musical.Convivem a escrita orquestral e um certo clima de bossa nova, tal qual as obras sinfônicas do mestre Tom Jobim – na qual, aliás, a música de Alexandre se inspira e da qual é devedora.

Depois a OSMJP faz uma viagem ao universo do cinema, executando temas de filmes famosos adaptados para violoncelo, com a participação especial do violoncelista Jorge Rossi,solista da noite e autor dos arranjos.São obras de Ennio Morricone (“Cinema Paradiso”), Lady Gaga (“Shallow”), Luiz Bacalov (“The Postman”), dentre outras músicas do repertório popular, erudito.

Para encerrar a programação, a Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa executa a “Sinfonia n 5 em Do menor, op. 67”, de Beethoven, a sinfonia mais conhecida e popular do repertório erudito. A quinta sinfonia foi executada pela primeira vez no dia 22 de dezembro de 1808, no Theater an der Wien, por músicos arregimentados para o concerto sob a regência do próprio Beethoven.

Durante a execução da quinta sinfonia, haverá a projeção de um vídeo de Jonathas Beck, baseado na natureza e no trabalho do artista brasileiro Rafael Mifano, que utiliza uma motosserra para fazer esculturas em troncos de árvores tombadas, ou seja, árvores que caem naturalmente. O escultor recolhe a madeira para criar suas obras. Ele viaja com o seu trabalho pelos mais belos parques naturais do mundo.

O regente – Maestro e diretor artístico da Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa (OSMJP) e da Orquestra Filarmônica do Brasil (Fibra), Laércio Sinhorelli Diniz estudou violino na Escola Superior de Música de Colônia (Alemanha). No Brasil teve como mestres de regência Roberto Tibiriçá e Isaak Karabchewsky. Gravou com a New Netherlands Orchestra, com a orquestra Alemã “Das Freie Orchestra Berlin” e com a “Lithuanian National Symphony Orchestra (LNSO)”. É diretor artístico do Festival Internacional de Música Clássica de João Pessoa.

Os convidados

Jorge Daniel Rossi –Nascido em Buenos Aires, Jorge começou os estudos em violoncelo na Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Aos 11 anos, fez seu primeiro concerto como solista da Orquestra Sinfônica da Paraíba. Estudou nos Conservatórios de Música de Parma e Milão, diplomando-se no Liceu Musical G. Verdi de Milão. Premiado como solista no concurso Cidade de Vitório Veneto, tocou como solista no Brasil, Itália, Alemanha, Portugal, Espanha e Argentina. Foi primeiro violoncelo da Orquestra Sinfônica de Matera Itália. Atualmente é primeiro violoncelo da OSMJP.

Alexandre Guerra – Compositor, membro da WSA (World Soundtrack Academy), formou-se bacharel em composição para cinema na faculdade Berklee College of Music. No Brasil, estudou harmonia e composição com Hans Koelheuter – nome importante da vida musical brasileira durante o século XX. Suas composições vêm sendo executadas por importantes orquestras e intérpretes dentro e fora do Brasil. Lançou mais de dez discos e em 2018 foi comissionado para compor a peça que celebra os 30 anos da Orquestra Sinfônica de Santo André.

Serviço

III Concerto Oficial da Temporada 2019

Local: Centro Cultural Ariano Suassuna (R. Prof. Geraldo Von Sohsten, 147 – Jaguaribe, anexo ao TCE)

Data: Sábado (11)

Hora: 18h

Classificação: Livre

Evento gratuito

Secom-JP

O mais novo trem-bala da operadora ferroviária japonesa JR East começa a operação de teste nesta sexta-feira (10), com sua velocidade máxima devendo exceder a do mais rápido em serviço agora em pelo menos 40 Km/h.

Faixas verdes agraciam o corpo metálico azulado do Alfa-X, destacando um nariz de 22 metros no vagão frontal, o mais longo para um shinkansen. A JR East, formalmente conhecida como East Japan Railway, fez um preview da versão completa de 250 metros e 10 vagões para a mídia na quinta-feira (9) em uma instalação na província de Miyagi.

A velocidade máxima de 360Km/h supera a de 320Km/h da série de trem-bala E5 atualmente em uso no Japão e dos trens-bala TGV na França.

O Alfa-X será testado na linha Tohoku entre as cidades de Sendai e Aomori no nordeste do Japão. Os testes serão realizados de noite cerca de duas vezes por semana.

A primeira fase, para medir a viabilidade de uma velocidade de 360Km/h, será realizada até o ano fiscal de 2021. Os experimentos da segunda fase orientados para lançamento de operação comercial terão início no ano seguinte.

O Alfa-X deve entrar em serviço no ano fiscal de 2030 – o mesmo ano em que a linha Hokkaido shinkansen será estendida para Sapporo a partir de seu atual ponto final que é na estação de Shin-Hakodate-Hokuto no extremo sul da província.

Se o trem atingir sua velocidade promovida, a viagem entre Tóquio e Sapporo seria reduzida para cerca da metade, 4 horas e 30 minutos.

Asia Nikkei

Três homens armados abordaram na manhã desta sexta-feira (10) o presidente e dois tesoureiros da Vila Vicentina. O trio já vinha seguindo as vítimas e ao chegarem na instituição foram surpreendidos pelos suspeitos. Na abordagem eles levaram celulares, carteiras e documentos das vítima.

Após o assalto as vítimas foram à delegacia prestar um boletim de ocorrência.

A polícia ainda não conseguiu encontrar os suspeitos, nem as armas utilizadas no crime.

ClikPB

A Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa (OSMJP) se apresenta neste sábado (11), às 18h, no Auditório Celso Furtado do Centro Cultural Ariano Suassuna, no III Concerto Oficial da Temporada. A apresentação é fruto de uma parceria entre a Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) e o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), através do Centro Cultural Ariano Suassuna. A entrada é gratuita.

Regida pelo maestro Laércio Diniz, seu regente titular, a Orquestra Sinfônica Municipal vai executar obras de vários compositores, como Alexandre Guerra (1971), compositor residente convidado para esta temporada, Ennio Morricone (1928),Thomas Bergersen (1980) e L. V. Beethoven (1770-1827). O violoncelista Jorge Rossi, integrante da OSMJP, será o solista da noite.

O programa da noite será aberto com “Estações Brasileiras”, de Alexandre Guerra, obra que, com uma atmosfera nostálgica e introspectiva transita com liberdade e sensibilidade entre os universos erudito e popular, proporciona uma viagem musical. Convivem a escrita orquestral e um certo clima de bossa nova, tal qual as obras sinfônicas do mestre Tom Jobim – na qual, aliás, a música de Alexandre se inspira e da qual é devedora.

Depois a OSMJP faz uma viagem ao universo do cinema, executando temas de filmes famosos adaptados para violoncelo, com a participação especial do violoncelista Jorge Rossi,solista da noite e autor dos arranjos.São obras de Ennio Morricone (“Cinema Paradiso”), Lady Gaga (“Shallow”), Luiz Bacalov (“The Postman”), dentre outras músicas do repertório popular, erudito.

Para encerrar a programação, a Orquestra Sinfônica Municipal de João Pessoa executa a “Sinfonia n 5 em Do menor, op. 67”, de Beethoven, a sinfonia mais conhecida e popular do repertório erudito. A quinta sinfonia foi executada pela primeira vez no dia 22 de dezembro de 1808, no Theater an der Wien, por músicos arregimentados para o concerto sob a regência do próprio Beethoven.

Durante a execução da quinta sinfonia, haverá a projeção de um vídeo de Jonathas Beck, baseado na natureza e no trabalho do artista brasileiro Rafael Mifano, que utiliza uma motosserra para fazer esculturas em troncos de árvores tombadas, ou seja, árvores que caem naturalmente. O escultor recolhe a madeira para criar suas obras. Ele viaja com o seu trabalho pelos mais belos parques naturais do mundo.

Portal Correio

Tapiocaria e CIA logo

Tapiocaria e Cia JP

Galeria de Fotos

INFORMAÇÕES:

  • Rua Leopoldo Pereira Lima, 285. Box A. Mangabeira VIII
  • (Na Principal dos Ônibus da Reunidas antes do PSF)

Horário de Funcionamento

  • De Terça à Domingo das 16:00 - 22:00

Serviços

  • Tapioca

aceitamos os cartões

Localização

COMPARTILHE ESSA PAGINA

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

O ex-presidiário Marcos josé Araújo Maia, 56 anos, foi assassinado a tiros na noite dessa quinta-feira (9), no bairro Mangabeira 3, em João Pessoa.

Segundo o delegado Hugo Hélder, a vítima estava em casa quando homens chegaram chamando e quando Marcos foi atender ao chamado foi baleado.

Ele morreu no local. A Polícia Civil disse que a vítima morava sozinha na residência que era frequentada por usuários de drogas.

A polícia disse que o crime foi uma execução em virtude do tráfico de drogas.

Portal do Litoral Sul

O presidente Jair Bolsonaro pediu nesta quinta-feira (9) que o Congresso devolva o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) para o Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJ). Durante a manhã, parlamentares votaram por tirar o Coaf das atribuições do ministro Sergio Moro e entregá-lo à pasta de Paulo Guedes. A votação ocorreu na comissão especial mista (composta por deputados e senadores) que tratou da reforma administrativa.

“Estão pegando a Coaf do Moro e mandando para o Paulo Guedes. Esperamos que o plenário mantenha a Coaf no Ministério da Justiça, porque é uma ferramenta muito forte para combater a corrupção e a lavagem de dinheiro”, disse o presidente na já tradicional live de quintas-feiras, transmitida pelo Facebook.

A votação desta quinta-feira na comissão mista foi apenas a primeira etapa de tramitação da MP que trata da reforma administrativa. As mudanças aprovadas ainda precisam ser aprovadas pelo plenário da Câmara e depois pelo do Senado. O relator da reforma administrativa no Congresso, o senador Fernando Bezerra (MDB-PE), tinha acertado com o governo de fechar seu relatório com a Coaf no MJ, contrariando o desejo de Guedes. A comissão, no entanto, alterou esse trecho.

Outras mudanças

Além da mudança do Coaf para o Ministério da Economia, a comissão mista aprovou ainda a realocação da Fundação Nacional do Índio (Funai), que sairá do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, para ser novamente incorporada ao Ministério da Justiça. Em outra mudança, essa com a anuência do próprio governo, os parlamentares decidiram extinguir o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). A pasta será desmembrada, com a recriação dos ministérios das Cidades e da Integração Nacional.

“O Ministério do Desenvolvimento Regional encontra-se assoberbado devido ao excesso de demandas. A reativação dos ministérios das Cidades e da Integração Nacional é consequência de diversas solicitações de prefeitos, externadas durante a Marcha dos Municípios, e de parlamentares do Congresso Nacional. O retorno desses ministérios poderá dar mais eficiência, eficácia e efetividade nos resultados, fortalecendo as ações de governo em áreas que impactam profundamente a população de baixa renda, como o programa Minha Casa, Minha Vida”, afirmou o porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio Rêgo Barros, durante coletiva de imprensa nesta quinta-feira.

O porta-voz também confirmou que o ministro Gustavo Canuto, do Desenvolvimento Regional, continuará como ministro na pasta de Integração Nacional. Para o Ministério das Cidades, o governo discute a indicação com partidos do chamado Centrão, que envolve legendas como PP, PR, PSD, DEM, MDB, e com a Frente Nacional de Prefeitos (FNP).

“Após as mudanças feitas pela comissão mista, apesar do posicionamento do governo, agora cabe aprovar ou não essas modificações. Em relação à população, ela deve exercer sua vontade externando aos seus congressistas os seus interesses”, acrescentou Rêgo Barros.

Portal Correio

Em partida emocionante no Estádio Almeidão, em João pessoa, o Botafogo-PB derrotou o Náutico-PE pelo placar de 2 a 1 e se classificou para as finais da Copa do Nordeste pela primeira vez. Os gols do Belo foram marcados pelo atacante Nando e pelo meia Juninho, já o Timbu marcou pelos pés do atacante Tarcísio.

A vitória garante ao time paraibano pelo menos R$ 875 mil reais, pois além da cota pela classificação, que é de R$ 375 mil, embolsa mais, no mínimo, R$ 500 mil reais, pelo vice-campeonato. Em caso de título, o montante chega a R$ 1,3 milhão.

O jogo

Já aos 40 segundos do primeiro tempo, o atacante Nando recebeu um cruzamento do lateral Fábio Alves e carimbou a trave do goleiro adversário.  Aos cinco minutos foi a vez de Juninho. O meia recebeu um passe açucarado do lateral Fábio Alves, mas esbarrou na zaga alvirrubra, que afastou o perigo em cima da linha.

Após se recuperar de lesão, o meia Marcos Aurélio voltou com tudo. Aos dez minutos, ele recebeu a bola na entrada da área e sofreu falta. Na cobrança, ele mesmo bateu bem, carimbando o travessão do adversário.

Aos 14 minutos foi a vez do Náutico. Após cobrança de falta, a zaga do Belo afastou, mas o meia Marcos Vinícius bobeou e deixou o atacante Odilávio Júnior sozinho. Ele cruzou na área e o zagueiro Hereda, sozinho, furou.

O Timbu começou a gostar do jogo. Aos 17 minutos, o atacante Wallace Pernambucano cabeceou, obrigando o goleiro Saulo a executar uma brilhante defesa, salvando o Belo.

2º tempo

Mesmo com a chuva, o jogo se manteve quente na segunda etapa. Aos quatro minutos, o lateral Israel teve a oportunidade de abrir o placar no Almeidão, mas parou na defesa do goleiro Bruno, que espalmou para escanteio.

Após desperdiçar a chance de gol, o atacante Nando recebeu um presente da zaga do Náutico. Ele se enrolou com o goleiro Bruno, mas conseguiu driblar o adversário e ficar livre na área, chutando para o gol e abrindo o placar.

Náutico empata

Não demorou muito para o Náutico empatar a partida. Já aos 15 minutos do segundo tempo, o atacante Tarcísio, que tinha acabado de entrar em campo, chutou forte e o goleiro Saulo falhou. A bola passou por baixo do paredão alvinegro, balançando as redes do Almeidão pela segunda vez na noite.

Craque sentiu

O meia Marcos Aurélio sentiu a coxa após uma cobrança de escanteio e foi substituído. Em seu lugar entrou o estreante da noite, o meia Enercino.

Que vacilo!

Em sua primeira jogada na partida, Enercino sofreu uma penalidade, aos 23 minutos. Na cobrança, o lateral Fábio Alves chutou no meio do gol para uma bela defesa do goleiro Bruno.

Quase

Aos 43 minutos, Enercino lançou para o atacante Dico, que se infiltrou na zaga do Náutico e cruzou com maestria na cabeça do atacante Paulo Renê, que tirou muito do gol, ficando apenas no quase.

Classificação!

Aos 45 minutos, o atacante Juninho aproveitou a cobrança de falta do meia Clayton e cabeceou para o alto, encobrindo o goleiro Bruno, que foi buscar a bola dentro do gol. Com o resultado, o Belo faz história e se classifica para as finais da competição regional, nas quais enfrentará o Fortaleza, que superou o Santa Cruz por 1 a 0 na outra semifinal.

Portal Correio

A noite desta quarta-feira, 8, foi especial para Florinda Meza. A atriz mexicana, que ficou mundialmente conhecida como Dona Florinda, no seriado Chaves, participa do filme Dulce Familia, que teve pré-estreia na Cidade do México.

A última vez em que a atriz esteve em um longa foi em 1988 em Música de Viento, ao lado de Roberto Gomes Bolaños, criador de Chaves e Chapolin, que morreu há quase cinco anos. Desde então, Florinda atua na internet, em um canal no YouTube intitulado Chimoltrúfia, uma das personagens que interpretou em sua carreira artística.

A caminho do lançamento de Dulce Familia, Dona Florinda gravou um vídeo aos fãs e publicou no perfil oficial dela no Twitter. “Queridos amigos. Enfim vou a premier do filme que gravei no ano passado no Chile. Espero que, depois disso, os outros produtores se recordem que eu existo e me chamem! Se recordem que estou viva, que sou atriz e me chamem. Enquanto isso, desfruto com vocês o momento e digo sempre: ‘Desfrutem, porque para isso nasci'”, desabafou Florinda Meza.

O filme Dulce Familia estreia nos cinemas no dia 10 de maio.

TERRA

No início da noite desta quinta-feira (9), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) decidiu interditar duas faixas do viaduto Eduardo Campos, no bairro do Geisel, situado em trecho da rodovia BR-230, na Zona Oeste de João Pessoa. A interdição se deve ao risco de acidentes em virtude de um buraco na faixa central.

Segundo a PRF, o buraco apareceu no sentido João Pessoa-Campina Grande e tem causado diversos transtornos como quebra de veículos e pneus furados.

“Afim de evitar danos à integridade física dos usuários, principalmente de motociclistas, optou-se pela interdição até que o reparo seja feito. Informamos ao órgão responsável, a Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan), pois o trecho é de responsabilidade do Estado da Paraíba, e esta informou que só poderá iniciar o reparo no sábado (11) e se o local estiver seco”, disse a PRF através de nota divulgada à imprensa.

A PRF também informou que está tentado  junto ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) uma solução emergencial para esta sexta-feira (10).

Portal Correio

O duque e a duquesa de Sussex, o príncipe Harry e Meghan Markle, apresentaram seu filho de dois dias a grupo de jornalistas no castelo de Windsor.

“Tenho os dois melhores caras no mundo, então estou realmente feliz”, afirmou Meghan.

Ele nasceu na segunda (6) pela manhã, às 5h26 (1h26 de Brasília), com 3,260 quilos.

A criança do casal Meghan Markle e príncipe Harry, é a sétima na linha de sucessão do trono britânico. O anúncio do nascimento foi feito no Instagram de Harry e Meghan. O príncipe estava presente no parto.

O nome do bebê ainda não foi divulgado, mas as apostas já foram feitas nos sites especializados — e incluem até mesmo opções inusitadas, como “Donald” e “Brexit”. Especialistas ouvidos pelo G1 apostaram em Alexander, Philip ou Arthur.

Esse é o oitavo bisneto de Elizabeth II, e ele não receberá um título de príncipe automaticamente, a não ser que a rainha o conceda — o que deve ser feito, de acordo com os desejos de Harry e Meghan, diz o “The Guardian”. O príncipe Andrew, filho da rainha Elizabeth, optou por dar títulos reais às filhas, as princesas Beatrice e Eugenie. Já a princesa Anne, irmã dele, abriu mão deles para seus filhos, Zara e Peter.

A restrição quanto ao título ocorre porque porque o rei George V limitou os títulos reais em 1917. Ele poderá usar um dos títulos menores de Harry e ser conhecido como Conde de Dumbarton. As regras que cercam os títulos hereditários britânicos, no entanto, não são iguais para homens e mulheres: se tivesse nascido uma menina, ela não poderia se tornar a Condessa de Dumbarton.

Portal do Litoral Sul