A Hora da Merenda LOGO

Lanchonete A Hora da Merenda

Galeria de Fotos

INFORMAÇÕES:

  • Rua Leopoldo Pereira Lima, 343
  • (Na Principal da Reunidas/ Próximo da Praça do PSF Cidade Verde)

Horário de Funcionamento

  • Todos os dias das 18:30 - 03:00 da Madrugada
  • * Exceto Terça-feira

Serviços

  • Sanduiches, Cachorro-Quente, Batata Recheada,
  • Sucos, Bebidas

aceitamos os cartões

Localização

COMPARTILHE ESSA PAGINA

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

O governador João Azevêdo (PSB) anunciou, nesta quarta-feira (15), o pagamento primeira parcela do décimo terceiro salário dos servidores estaduais da Paraíba, além do pagamento referente ao mês de maio. O socialista garantiu que o pagamento do décimo será transferido aos servidores antes do São João. Somente a folha do mês de maio é superior a R$ 350 milhões. Somado à primeira parcela do décimo, isso representará uma injeção, nesse período, de mais de meio bilhão na economia.

“Antes do São João, todo mundo vai receber. Isso é mais um esforço gigantesco que nós fazemos”, disse o governador, ressaltando que, como na Paraíba, o pagamento em dia é rotina, às vezes o fato passa despercebido. “Mas pelo centésimo primeiro mês seguido a Paraíba pagou o salário dos funcionários dentro do mês trabalhado e vamos, antes do dia 20 de junho, transferir a primeira parcela do décimo terceiro para todos os funcionários do Estado”, afirmou João.

O governador destacou o equilíbrio das contas públicas da Paraíba e confirmou vários concursos previstos no Estado. Entre os concursos, está com inscrições abertas o certame para preenchimento de vagas de professores, com 1.000 vagas. João também informou que vai nomear, no segundo semestre deste ano, mais 500 concursados da Polícia Militar, aprovados em concurso já realizado, e confirmou a realização de concurso para preenchimento de 400 vagas na Fundac. Também estão previstos concursos para a Procuradoria Geral do Estado e Aesa.

Em relação a obras, o governador afirmou que o Governo do Estado está finalizando um projeto para lançar o Programa Caminhos da Paraíba II. O Governo deve construir mais 500km de estradas, garantindo ligações importantes entre regiões do Estado. Entre os projetos estão a construção da estrada de Pilões a Serraria, e a estrada de Serraria a Solânea também está em estudo.

A entrevista foi concedida ao programa Correio Debate.

clickpb

O avião usado para publicidade do Cirque Amar sofreu pane e caiu após decolar no fim da tarde desta terça-feira (14), em Forte Velho, Santa Rita. Segundo os dados levantados pelo Portal ClickPB, o avião foi fabricado em 1952.

De acordo com informações obtidas com exclusividade pelo ClickPB, o piloto do avião conseguiu sobreviver à queda sem ferimentos graves.

Confira abaixo no vídeo:

A Paraíba deve perder 80 médicos que atuam no estado pelo programa Mais Médicos, do governo federal. O levantamento, feito por Felipe Proenço, tutor do Mais Médicos da UFPB, apontou que nove municípios devem perder médicos porque os contratos não vão ser renovados. João Pessoa, que é uma dessas cidades, deve perder 48 médicos.

Além disso, o Ministério da Saúde publicou um novo edital com 58 vagas em 39 cidades da Paraíba.

A prefeitura de Bayeux explicou que até agora nenhum contrato chegou ao fim, mas não tem plano para preencher as vagas; já Cabedelo vai suprir as perdas com a contratação de médicos substitutos em concurso público que deve ser realizado no segundo semestre com vagas para a Saúde.

Guarabira também deve contratar temporariamente médicos substitutos, o edital já está aberto com vagas para médicos.

O secretário de Saúde de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio disse que as vagas serão substituídas e que o município vai ofertar aos profissionais do programa a incorporação deles na rede municipal, porém o salário ofertado é menor que o do programa e dos 44 médicos que existem hoje, 12 são formados no exterior e não podem atuar pois não têm o CRM do país.

Um novo edital do programa Mais Médicos foi publicado pelo Ministério da Saúde prevendo 59 vagas em 38 cidades da Paraíba. Conforme edital publicado na segunda-feira (13), o objetivo é contratar 2.000 médicos que devem atuar em 790 municípios do Brasil. As cidades paraibanas foram selecionadas pelo critério de extrema pobreza ou área vulnerável.

O tutor do programa Mais Médicos da UFPB, Felipe Proenço, explicou que o edital confirmou uma tendência que havia sido constatada em um levantamento feito pela UFPB, indicando que a Paraíba perderia 80 médicos pelo programa. Proenço comentou que o governo federal excluiu as cidades metropolitanas e das regiões metropolitanas.

 

Cidades da Paraíba que devem perder médicos no Mais Médicos

Cidades Vagas autorizadas Médicos que não terão contratos renovados População afetada (estimativa)
João Pessoa 56 48 165.600
Cabedelo 12 12 41.400
Bayeux 8 7 24.150
Guarabira 5 4 13.800
Boqueirão 2 2 6.900
Caaporã 2 2 6.900
Puxinanã 2 2 6.900
Caturité 2 2 4.807
Mamanguape 2 1 3.450
Total 91 80 273.907

Fonte: UFPB

A Copa do Nordeste de 2020 vai conhecer um representante na fase de grupos nesta quarta-feira. É o jogo de volta entre Náutico e Campinense, que acontece às 21h30, no Estádio dos Aflitos, em Recife. O time paraibano está na vantagem, pois venceu o confronto de ida, realizado em Campina Grande, por 2 a 1. Com isso, um empate basta para a Raposa, mas o Timbu, que precisa vencer, aposta na força de seus domínios para reverter a desvantagem.

Dono da casa, o Náutico não vive um bom momento. O time foi eliminado da edição deste ano da Copa do Nordeste, em que perdeu para o Botafogo-PB na semifinal. Enquanto isso, na Série C do Brasileirão, o Timbu ocupa a quinta colocação, com três pontos. A situação não é tão ruim na tabela de classificação, mas a derrota dentro de casa para o Ferroviário, no último fim de semana, resultou na queda do técnico Márcio Goiano. Agora é Gilmar Dal Pozzo quem vai comandar o Alvirrubro num dos jogos cruciais para o ano de 2020.

Apesar da vantagem no marcador, a fase do Campinense também não é das melhores. O time vive repleto de problemas internos, sejam financeiros ou técnicos. No último fim de semana, pela Série D do Campeonato Brasileiro, o clube foi derrotado pelo Jacuipense dentro de casa, o que comprometeu bastante a sequência no Grupo A7 da competição. E, com o técnico Francisco Diá muito pressionado, o Rubro-Negro tenta virar a página e buscar a classificação para acalmar os nervos e conquistar a vaga no Nordestão do próximo ano.

Transmissão: o GloboEsporte.com acompanha a partida em Tempo Real a partir das 20h30.

Na estreia de Gilmar Dal Pozzo, o Náutico segue com problemas para escalar o time. Jogadores importantes como Jorge Henrique, Maylson e Danilo Pires seguem fora da equipe. Além deles, o lateral-esquerdo Assis também não pode jogar. O volante Josa é dúvida.

Por isso, o treinador não revelou a escalação que deve começar jogando. Se Josa jogar, ele atua na lateral-esquerda, improvisado. Caso contrário, a tendência é de usar um lateral-direito no lado canhoto – já que não há jogadores da função à disposição.

Além disso, Jhonnatan tem chance de começar jogando pela primeira vez, e Fernando Lombardi pode fazer a estreia.

Do lado rubro-negro do duelo, o time titular é uma incógnita, já que o técnico Francisco Diá decidiu fechar o último treino antes da partida decisiva. Mas a tendência é que haja pelo menos uma novidade entre os 11 que iniciam jogando: o volante Negretti deve aparecer entre os titulares, provavelmente no meio de campo, mas com alguma chance de ser improvisado na lateral direita, com Gustavo sendo deslocado para o meio.

Mayron Frederico dos Reis Novais (MA) é o árbitro principal, com Antonio Fernando de Sousa Santos (MA) e Raphael Max Borges Pereira (MA) são os auxiliares.

clickpb

O vice-presidente da Associação dos Motoristas de Transporte Privado Individual da Paraiba (AMTPI-PB), Fernando Barros, considera como normal e benéfica a regulamentação da categoria sob o Decreto 9.792, o qual determina que os condutores deverão se inscrever pelos canais eletrônicos de atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para se tornar Micro Empreendedor Individual (MEI) e recolher a contribuição mensal previdenciária através do Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS).

“A gente sempre incentivou que a pessoa faça a contribuição. Até porque tem direito às questões que a Previdência concede. O que mudou agora que existe a obrigatoriedade. Mas a gente vê como normal, que é um processo que vem num processo da classe por direitos e deveres”, disse o vice-presidente da AMTPI-PB.

Fernando Barros destacou que a medida também beneficia o motorista no sentido de que, tendo ele um CNPJ, ele pode comprar produtos e serviços para o veículo diretamente com fornecedor.

Saiba mais

Bolsonaro regulamenta contribuição de motorista de aplicativo ao INSS

O presidente Jair Bolsonaro regulamentou a contribuição de motoristas de aplicativos ao INSS. As regras sobre a inscrição de motoristas de transporte individual e privado de passageiros foram publicadas nesta quarta-feira (15), no Diário Oficial da União.

 

clickpb