• (83)98801-4603
  • contato@portalmangabeira.com.br

Após mudança de nome e escudo, Atlético-PR faz a final contra o Júnior Barranquilla

Atlético-PR e Junior Barranquilla decidem quem será o campeão da Copa Sul-Americana de 2018. A partida está marcada para 21h45 (horário de Brasília) desta quarta-feira, na Arena da Baixada. Os times vêm de empate por 1 a 1 na Colômbia. Portanto, quem vencer fica com a taça. Empate leva para prorrogação e, se necessário, para pênaltis.

A final é um dia após o Furacão provocar um “terremoto” e anunciar uma grande novidade, que é a mudança de escudo, de uniforme e até do nome, que agora assume um “H”.

O novo Athletico ainda entra em campo com o nome e sua identidade visual antiga, mas o jogo promete ter tudo o que uma decisão pede: casa cheia, festa das torcidas e dois times motivados em busca de um título inédito. A conquista vale uma premiação milionária, além de vagas na Libertadores (o Junior já está classificado), na Recopa e na Copa Suruga.

O Atlético-PR está na final após ter eliminado o argentino Newell’s Old Boys, o uruguaio Peñarol, o venezuelano Caracas e os brasileiros Bahia e Fluminense. Já o Junior teve que superar três argentinos (Lanús, Colón e Defensa Y Justicia) e um colombiano (o Santa Fe).

Transmissão: TV Globo para PR (Cleber Machado, Caio Ribeiro e Cristian Toledo) e SporTV (Gustavo Villani, PC Vasconcellos e Ricardinho).

O atacante Pablo não está 100% por conta de dores na panturrilha, mas deve ir para o jogo. Caso ele não tenha condições, Rony e Bergson são as opções para o comando de ataque. A tendência, porém, é que o comandante rubro-negro repita a escalação do empate na Colômbia. O Atlético-PR, portanto, deve ter Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Lucho González, Bruno Guimarães e Raphael Veiga; Marcelo, Nikão e Pablo (Rony).

Quem está fora: os meias Bruno Nazário e Guilherme estão machucados; não há jogadores suspensos.

Junior Barranquilla – Julio Comesaña

O Junior Barranquilla conta com as voltas do lateral-esquerdo Fuentes e do atacante Téo Gutiérrez – este é o capitão, artilheiro e líder do grupo. Eles devem substituir Germán Gutiérrez e Yony González, respectivamente. O resto do time deve ser o mesmo do jogo de ida. Ou seja, o Junior deve entrar em campo com Sebastián Viera; Piedrahita, Jefferson Gómez, Rafael Pérez e Fuentes; Luis Narváez, James Sánchez, Cantillo; Barrera; Luis Díaz e Téo Gutiérrez.

Quem está fora: o zagueiro Ditta (lesão no tornozelo) e o volante Pico (lesão no braço) – desfalques já no jogo de ida – seguem machucados.

Roberto Tobar (CHI) apita Atlético-PR x Junior Barranquilla, com Christian Schiemann (CHI) e Claudio Rios (CHI) nas bandeiras. Roddy Zambrano (EQU) será o quarto árbitro, e Julio Bascuñan (CHI), o árbitro de vídeo.
Globo Esporte