Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next

Deputados derrubam projeto que desobrigaria afixação de cartazes contra homofobia

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Os deputados estaduais da Paraíba derrubaram o Projeto de Lei proposto por Wallber Virgulino desobrigando a afixação de cartazes contra a homofobia em estabelecimentos comerciais. A matéria chegou ao plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) no fim da manhã desta terça-feira (09) e foi reprovada por maioria.

Somente quatro deputados estaduais votaram a favor da aprovação do projeto, que foram: Moacir Rodrigues, Eduardo Carneiro, Cabo Gilberto e o autor da propositura, Wallber Virgolino.

A propositura levantou discussões na Casa Legislativa, tanto por quem era a favor quanto por quem era contra. Mais cedo, o deputado Wallber Virgolino havia sustentado que a intenção do seu projeto de lei era totalmente jurídica. Ele considera que a afixação dos cartazes é inconstitucional.

“Minha intenção é promover a isonomia uma vez que existem outras minorias que não foram abarcadas pela legislação, existe a livre iniciativa particular do empresário que também está sendo violada”, considera o deputado Wallber.

No ano de 2017, a Assembleia Legislativa da Paraíba havia aprovado o Projeto de Lei, de autoria de Anísio Maia, obrigando a afixação dos cartazes em estabelecimentos comerciais informando que “discriminação por orientação sexual e identidade de gênero é ilegal e acarreta mula”.

clickpb